Agende sua consulta

Olá Cliente Nome!

Obrigado por entrar em contato com a Clínica Henrique Elkis, sua solicitação de agendamento de consulta foi recebida com sucesso.

Sua consulta ainda não foi confirmada, por favor aguarde que retornaremos o contato para confirmar os seus dados e a data da consulta.

Em caso de dúvidas ligue para:
11. 2165-2480

Atenciosamente,

Clínica Henrique Elkis




Embolização
de Mioma Uterino

Mais simples do que você pode imaginar.

Envie suas dúvudas


"Dona Maria, de acordo com os seus exames você tem mioma." O diagnóstico assusta, baqueia e causa desespero em muitas mulheres. Por isso hoje, de uma forma simples e interativa, a equipe Henrique Elkis traz a vocês uma explicação simples do que são os miomas e como o processo de embolização converte esse quadro sem o drama da cirurgia. Confira e entenda um pouco mais sobre a Embolização de Mioma.


Infográfico

“Tumores benignos, também conhecidos como fibromas ou leiomiomas, surgem no útero. Entre os problemas causados pelo mioma, estão: dores, cólicas, sangramento excessivo, prisão de ventre, perda de urina, aumento do volume abdominal e ainda dificuldade de engravidar ou de manter uma gestação, piorando a qualidade de vida das mulheres”, afirma o médico radiologista intervencionista Dr. Henrique Elkis.

Classificação:



Submucoso: localizado junto ao endométrio Intramural: localizado na parede muscular do útero Subserosos: parede externa do útero Nódulo pediculado: mioma fica preso por pediculo

Quem tem?

Infertilidade

4% dos casos o mioma causa infertilidade, os tipos submucosos e intramurais, comprovadamente, reduzem a chance de gestação.

Tratamentos:

Sintomas




Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico é feito através da ressonância magnética de pelve.

Quem Emboliza?

A técnica embolização é realizada pelo radiologista intervencionista.

Embolização de Miomas

A embolização de mioma uterino é o tratamento mais inovador da medicina. É um procedimento seguro e oferece uma recuperação pós-operatória rápida.

Como o mioma é “alimentado” por sangue, o corte desse suprimento leva à “morte” dos tumores. A técnica da embolização uterina é minimamente invasiva, realizada sob anestesia local e não precisa de pontos, pois não são feitos cortes, portanto, não deixa cicatrizes. Além disso, a função do útero é preservada, permitindo uma futura gestação.

Vantagens da Embolização

Recomendações:

De acordo com Dr. Henrique Elkis, a principal recomendação é que toda mulher consulte um médico que pedirá um histórico clínico completo, fará exame físico e solicitará ou revisará estudos complementares. Ao concluir que os sintomas são decorrentes da miomatose, o próximo passo é apresentar e discutir todas as opções terapêuticas disponíveis. Quando a paciente aceita realizar a embolização uterina, será necessário revisar os estudos laboratoriais e de imagem - que têm uma validade média de 30 dias - e então agendar a embolização.

Fontes Bibliográficas

ENVIE SUA DÚVIDA